Eu e meu pitu, Meu Pitu e eu.



Eu e Mica estamos em uma busca diária de construir juntos todas as nossas ambições e nossos devaneios e gostamos de compartilhar alguns deles.


No post  inaugurativo de hoje vou falar um pouco da nossa história como criadores do Meu Pitu, sobre nosso cantinho de criação, de mão na massa, e sobre porque decidi fazer o Meu Pitu acontecer.

(Eu, Mica e Cora, dando uma pausa nas productions para tirar essa foto no dia dos namorados)

Sou formada em Artes Visuais na Escola de Design da UEMG, e no último período entre dois estágios, dando aula, e um projeto de graduação tive vontade de abrir uma loja. Sim, uma loja. Tive vontade de vender um produto, de embalar, de criar uma identidade e entregar.


Meu Pitu começou na escrivaninha do quarto, em um caderninho escrito "bird and whale" (Pássaro e baleia), onde escrevia algumas ideias e criações. As baleias estavam na minha cabeça por conta de uma viagem que havia feito recentemente e tive o prazer inesquecível de ver baleias em alto mar. 


E ali, na mesma escrivaninha eu comecei a pintar algumas esculturas de gesso e criei uma marca. Disse, "-Pitu, cê me ajuda?" Ele topou. E de lá pra cá as esculturas de gesso foi a porta para que começássemos a fazer nossas próprias produções, começássemos a sonhar mais alto e realizar tudo isso que está pra acontecer.



Esse caderninho ''bird and whale'' estava engavetado com todas as outras ideias e inspirações. Mas esse mês decidi abri-lo outra vez e é tudo que está por vir a partir de julho no Meu Pitu. Ainda tento compreender e respeitar o caos do processo criativo que existe dentro da Verônica artista, com cadernos inacabados e engavetados, tentando absorver todas as referências sem perder minha própria essência. É importante lembrar que o meu negócio não sou eu, é apenas uma extensão do que eu procuro ser. 


Aprendendo a respeitar meu estado de espírito as coisas fluíram e tudo foi crescendo em seu tempo. Hoje já não pintamos mais na escrivaninha do quarto, temos o nosso ateliê/studio criativo/ marcenaria/ quartinho/escritório, dentro do apê, cheio de limitações e  bloqueios, mas que com paciência decidimos adaptar e fazer o melhor possível. 

Já temos o nosso próprio site e não nos restringimos a entregar somente em BH. Foram grandes passos. 

Bora continuar crescendo, sonhando e falando os sonhos em voz alta que é pra acontecer.

(O cantinho sempre com baleias, passarinhos e ferramentas variadas de trabalho)

Eu não sabia que era possível trabalhar em áreas distintas com diversos materiais e a minha grande dificuldade como empreendedora criativa é não se deixar levar pelas tendências efêmeras e me sentir inspirada diariamente para produzir diferente do que se vê por aí. Para isso preciso procurar pelo que é importante, poético e pessoal pra me expressar e dizer o que eu quero dizer.


E é muito significativo poder dizer o que eu quero dizer ao lado do Mica. Que é meu pitu. O companheiro que divide comigo não só a escrivaninha e o ateliê, mas os projetos de vida, as angústias e as particularidades de gerar um negócio criativo. A gente sempre fala um ao outro: "Se de nada valer, pelo menos a gente se divertiu."

Aqui no nosso ateliê tem amor pra todo lado. Escrito na parede, na caneca do café, na etiqueta e claro dentro da gente. Nosso lema é fazer tudo com amor. Pra esse amor acompanhar cada caixa que despachamos. Nosso desejo é fazer com que cada pessoa que escolha a gente sinta que estamos imensamente gratos ao abrir a encomenda.


                  (Caneca de café com amor)


Nessa nova etapa, a intenção é conversar mais com quem nos acompanha, com nossos clientes em busca de entender o que eles querem do nosso trabalho, para poder de alguma forma toca-los.


Todos nossos produtos são peças e utensílios que irão pertencer a um local ou a alguém, e é preciso que o resultado final reflita quem está recebendo, e que seja carregado de boas energias, para que eles possam contar uma história.


Nosso canto produtivo sendo em casa, temos pontos positivos e negativos. E um ponto positivíssimo é que podemos apertar nossa gatinha Alice sempre que quisermos, e pra dar uma aliviada na cabeça é só pegar a coleira e sair pra dar uma volta com a Cora, que está 24h por dia esperando pelo passeio não importa quantas vezes a gente o faça.


                                    (Cora no seu lugar preferido e Alice tentando fugir do clique)

Eu e Mica construímos Meu Pitu juntos diariamente. Eu crio aqui, ele produz lá, ele cria lá, eu invento aqui. Uma mistura boa que tira o melhor de cada um em cada coisa que fazemos juntos. O bom de empreender com alguém que a gente ama é poder contar com essa pessoa pra tudo. Quando eu penso em desistir, ele me mostra tudo que a gente já fez. A gente conta as nossas ideias um para o outro, e com os ouvidos e coração atentos fazemos o melhor pra mostrar muita dedicação. 

Nesse momento mundial de excessos: excesso de informações, de referências, influências e cobranças, me fica a dúvida entre pular na corrente e nadar a longas e cansativas braçadas pra chegar no topo da onde se quer chegar, ou saber distanciar e no afastamento escutar a simplicidade de ser o que você sinceramente quer ser.

É verdade que ás vezes dá vontade de desistir por achar que nada está bom o suficiente não importe a força das braçadas. Mas pensa comigo... suficiente pra quem ? Eu e meu pitu, estamos sendo donos do nosso próprio negócio, fotografando nossos produtos, criando um site, produzindo conteúdo, gerenciamdo as redes sociais, administrando o atendimento aos clientes, criando a identidade visual, pintando, lixando, colocando a mão na massa, empacotando, despachando, e agora até estamos dando de blogueiros hahahaha, Até que estamos indo muito bem obrigada.

Bom, essa publicação inaugurativa, um devaneio leve, se encerra aqui. 

Nesse espaço iremos falar sobre assuntos diversos, sobre nossas novas coleções, sobre empreender, sobre passarinhos e baleias, sobre good vibes ou sobre qualquer outro assunto que vier na telha. Queremos contar um pouco da nossa história e fazer você contar um pouco da sua também. Vem com a gente, segura na mão do pitu e seguimos avante ;)

Conheça nossa loja: www.meupitu.com

Acompanhe a gente no instagram: www.instagram.com/meupitu

                       Meu Pitu  © 2016 - todos os direitos reservados   

                                             CNPJ: 29.384.342/0001-34 | Varginha - MG | meupitu@gmail.com